26 de abr de 2012

Review: Blind Guardian em Curitiba

A princípio o “The Bard's Night” era pra ter sido um show com as bandas Grave Digger e Blind Guarian. Infelizmente, o Grave Digger foi forçado a cancelar o show devido à gravação de seu novo material, assim, o público presente não chegou nem a 30% da capacidade da casa, mas isso não afetou a apresentação do grupo. 

Às 21 horas em ponto a iluminação da casa mudou, indicando que logo a banda subiria no palco. Com uma breve introdução emocionante de “Sacred Worlds” deu-se início ao espetáculo. Além da “Sacred Worlds”, do último álbum de estúdio chamado “At the Edge of Time”,também foram executadas “Ride into Obsession” , ” Wheel of Time“ e a música mais destacada e mais esperada “A Voice in the Dark“, cantada desde o começo até o fim.

Hansi Kürsch, muito feliz, conversava com o público em quase todas as pausas das músicas, alegando que estava contente em voltar para Curitiba. Frederik Ehmke todo hora aplaudia a platéia. André Olbrich todo simpático e até mesmo o Marcus Siepen, que tem uma fama de ser fechado, sorria e agitava.

A clássica “Valhalla” do álbum “Follow the Blind” foi um dos pontos mais emocionantes do show, além de todos cantarem até mesmo o solo com os famosos “woooo, wooo”, no refrão. No finalzinho na música, Hansi fez o público cantar: “Valhalla - Deliverance
Why've you ever forgotten me?” por  mais de 3 minutos, e o público mostrou que tinha potência, deixando o eco cada vez mais alto. Hansi, impressionado, brincou com Andre dizendo: ”A voz deles é mais bonita que a sua”.
 
Com a troca das guitarras para o violão “A Past and Future Secret“ foi executada dando um belo clima de medievalismo. Em seguida,  a música título do mesmo álbum, considerada uma das maiores obras primas que o Blind já fez, “Imaginations from the Other Side“, fez o Master Hall tremer com todos pulando e cantando. Ao final da música, Hansi deu um boa noite e agradeceu aos fãs.

Em menos de 1 minuto a intro “War of Wrath“ começou a rolar, com a banda no palco pronta para os momentos finais. A pesada “Into the Storm“ veio à tona junto com um dos hinos “Lord of the Rings”. Hansi ficou cada vez mais impressionado com a energia do pequeno público que conseguia superar todos os demais.
 
Um dos momentos mais esperados para qualquer fã do Blind Guardian com certeza foi este. ”The Bard's Song”,  tocada nas suas 2 partes , “In the Forest” e “The Hobbit”, que dificilmente tocam e, finalizando o show, é lógico que “Mirror Mirror“, que fez as pessoas banguearem e pularem. Com o fim da música, a banda agradeceu a todos e deixou o palco mostrando novamente que é uma das maiores e melhores bandas de Metal da atualidade.

Set List:
01 Sacred Worlds 
02 Born in a Mourning Hall 
03 Nightfall 
04 Turn the Page 
05 A Voice in the Dark 
06 Lost in the Twilight Hall 
07 Valhalla 
08 Ride into Obsession 
09 Intro:The Piper's Calling 
10 Somewhere Far Beyond 
11 A Past and Future Secret 
12 Imaginations from the Other Side 
Encore:
13 Intro:War of Wrath 
14 Into the Storm 
15 Lord of the Rings 
16 And the Story Ends 
17 Wheel of Time 
18 The Bard's Song - In the Forest 
19 The Bard's Song - The Hobbit 
20 Mirror Mirror 

Nenhum comentário:

Postar um comentário